Uma das coisas que mais curto acompanhar neste mundo de empreendedorismo são as pessoas que constroem algo de sucesso e narram como foi a jornada. Acredito que esse conteúdo é valiosíssimo pois atinge vários objetivos: ajuda quem está começando, ajuda no marketing do seu produto, ajuda no desenvolvimento do seu produto, ajuda no feedback, enfim, não é uma relação ganha-ganha, é uma relação ganha-ganha-ganha-ganha-ganha.

Pensando nisso, resolvi documentar aqui no blog a concepção do novo produto da Codevance! A idéia é relatar as decisões, erros, acertos, evolução e tudo mais o que envolve a jornada da construção de um produto.

Grande parte da inspiração veio do livro Reinvente Sua Empresa, do pessoal da 37signals. Dentre inúmeras outras dicas práticas e diretas sobre empreendedorismo for humans, o autor mostra como um produto principal pode originar diversos sub produtos (o exemplo dele é o próprio livro). A leitura é recomendadíssima para todo empreendedor, desde o aspirante ao bilionário.

Entretanto, no caso acima, o autor relata todo o ocorrido depois de atingir relativo sucesso. Minha intenção é relatar todo o processo durante a jornada. Em outro livro recomendadíssimo, chamado “A lógica do Cisne Negro”, o autor defende como o ser humano é falho ao “prever fatos após o ocorrido” e cita como exemplo um livro sobre a segunda guerra mundial que foi escrito durante a guerra, onde o cenário é de total incerteza e a história ainda não foi escrita. Essa ótica traz uma visão muito mais realista e que vai englobar fatos que provavelmente seriam esquecidos em uma futura recapitulação de todos os fatos ocorridos. Essa é a minha intenção!

Junte-se a outras 396 pessoas!

Informe-nos seu e-mail para receber atualizações com o melhor conteúdo sobre desenvolvimento, empreendedorismo e gestão de projetos!

(prometo nunca te enviar spam!)

A idéia

Em Maio de 2018 eu visitei uma feira de marketing digital chamada Afiliados Brasil. Trata-se de um evento voltado para uma galera que faz uma boa grana vendendo produtos, infoprodutos e serviços pela Internet. Eu acompanho este mercado a um bom tempo e desde então venho tentando entender como conseguir utilizar o meu conhecimento técnico como benefício e diferencial pra operar nele.

Conversando com o pessoal e assistindo palestras pude perceber que boa parte da galera tem problemas com gerenciamento de links em suas campanhas de mídia paga, seja para camuflar conteúdo ou até mesmo para fazer teste A/B.

Então me surgiu a idéia de criar um serviço de gerenciamento de links. Fui fuçar o mercado e ver como era a concorrência. Senti grande dificuldade no setup e operação dos serviços existentes. A premissa do meu serviço seria facilidade, pois estamos falando de um público alvo de pessoas não-técnicas.

Então, voltando pra casa, sentei a bunda na cadeira e comecei a codar pra fazer uma pequena POC. Ensaiei diversas funcionalidades e comecei a projetar uma infra rebuscada até com cache. Como todo bom programador, cai na over engineering antes mesmo de ter um produto.

Focando no que interessa

Uma pausa no trabalho aliada ao início da leitura do livro Reinvente Sua Empresa me fizeram abrir os olhos e relembrar alguns princípios básicos na construção de um projeto sustentável:

  • Foco em faturar o mais rápido possível para se auto-sustentar;
  • Iterar com o usuário e colher feedback o mais rápido possível;
  • Focar na resolução de um problema;
  • Não se apaixonar pelo seu produto.

Dito isso, parei tudo e comecei a pensar. Dei um passo para trás e comecei a mandar diversas funcionalidades *importantes* para o backlog. Comecei a desenhar, mentalmente, o produto. A intenção era investir um pouco mais de tempo em pensar para poder agir pouco e tocar o mercado pela primeira vez o mais rápido possível.

O que temos hoje?

A idéia hoje é simples: Construir um serviço que ajude o profissional de marketing digital a gerir suas campanhas de forma simples.

Um benchmark bom é o Voolum, software gringo que faz muito mais do que eu pretendo fazer. Apesar de ser um canhão, ele tem funções básicas que pretendo incorporar no software.

Os passos que defini até agora são:

  • Construir um MVP em que o usuário seja capaz de criar links e gerenciar, de forma básica, camuflagens e testes A/B;
  • Criar um report básico dos cliques para estes links;
  • Conceber um nome para o serviço, e então registrar domínio e publicar o serviço;
  • Disponibilizar o serviço como freemium e começar a divulgar nas comunidades interessadas.

Com os ítens acima eu conseguirei obter os primeiros feedbacks dos usuários e começarei a iterar em cima destes dados.

O que temos por vir?

Não sei, rs.

Este é um side project, um teste, e será tratado como deve. No dia-a-dia eu tenho as obrigações dos projetos em andamento na Codevance, tenho também o trabalho estratégico da Codevance. Essas duas vertentes são prioridades.

Sempre que possível vou trabalhar no projeto. Essa disponibilidade varia. Em alguns momentos poderá haver um avanço maior, em outras, menor. A idéia é trabalhar no estilo Pieter Levels.

Pode dar errado? Claro. As chances, na real, jogam mais contra do que a favor.

O que prometo é que sempre que eu estiver avançando, voltarei aqui para atualizar os detalhes sobre o projeto!

O que acha da iniciativa?

Deixa seu comentário aqui embaixo e vamos continuar o papo. No fim das contas faço tudo isso pra poder interagir com outras pessoas e gerar valor!

Abs