Skip to main content
maxresdefault

Como fazer Marketing para Freelancers do modo certo

Seguindo com mais um post da série “Como se tornar um freelancer”, neste post quero falar sobre o tema mais importante, e o que mais tenho dificuldade: Marketing para Freelancers. Falhei consideravelmente nos últimos dois anos referente a esse assunto. Este ano comecei a estudar bastante sobre marketing digital e finalmente entendi o quão importante é o marketing para freelancers. Este blog é resultado deste tema. Ficamos combinados então que tudo o que eu falar aqui hoje não se trata de algo que deu certo comigo. Se trata muito mais do meu “plano” de marketing que tracei e estou tentando executar.

Lembrando que este post, conforme dito no início, faz parte de uma série de posts sobre como se tornar um freelancer. Cada semana estou soltando um post novo.  Esses serão os tópicos abordados:

  1. Planejamento
  2. Gestão financeira
  3. Marketing
  4. Operacional
  5. Desenvolvimento pessoal

Gostaria de lembrar também que todo o conteúdo destes posts são simplesmente o meu relato e minha ótica sobre o assunto. Sintam-se a vontade para opinar, descordar, acrescentar e criticar. O objetivo aqui é crescer junto!

Continue acompanhando o post e saiba, detalhadamente, a minha visão e dicas sobre os seguintes temas que envolvem o marketing para freelancers:

Tá ansioso com o que vem a seguir? Então, por favor, compartilhe esse artigo com seus amigos freelancers e ajude-os a manter suas finanças organizadas.

Blog: colocando seus pensamentos e visões para o mundo ver

A importância de se ter um blog

Em todos os meus anos de trabalho com internet existe uma coisa que arrependo profundamente: Não ter começado um blog no meu primeiro dia de faculdade. O blog é a ferramenta mais poderosa no marketing para freelancers. É a ferramenta de divulgação essencial que qualquer tipo de profissional deve ter. É através do blog que você demonstra a qualidade do seu serviço. Através dele você também expõe suas idéias, pontos de vista, e também ajuda seus pares. Imagine que um gerente de TI comece a acompanhar seu blog. Ele é responsável pela liderança técnica do desenvolvimento de sua empresa e pega dicas, insights e aprende no seu blog. No momento em que ele precisar terceirizar algum desenvolvimento, ou até contratar alguém para uma consultoria, qual será o primeiro nome que virá em sua cabeça? Óbvio que é o seu!

Porém não adianta gastar horas escrevendo posts sendo que ninguém os visitará. Saber divulgar é tão importante quanto saber escrever.

Divulgue seus posts em todas as plataformas possíveis

Não tenha medo, divulgue sem dó! Para fazer marketing para freelancers, você precisa divulgar seu conteúdo. Porém, não seja chato. Divulgue oportunamente. Existem diversos meios para divulgação do seu blog:

  • Redes sociais: Faça seu blog, depois faça sua fan-page no facebook, depois poste todos os seus posts na sua fã-page. Também compartilhe no seu perfil pessoal. Isso vale para todas as outras redes, como twitter, linkedin e youtube. (O google plus você precisa divulgar por questões de SEO e otimização para o google. Ninguém está lá, mas tem que fazer)
  • Grupos de discussão: Com certeza a sua categoria possui algum grupo de discussão no google-groups, yahoo-groups ou algo parecido. Mas, por favor, não faça spam. Divulgue seu trabalho dentro de um contexto. Por exemplo: Se alguém, no grupo de python, estiver com dúvidas sobre como utilizar python com docker, divulgue aquele seu artigo sobre este assunto. Ou até mesmo, crie um artigo baseado nesta dúvida, e depois publique na discussão.
  • Eventos presenciais: Faça palestras nos encontros referentes a sua categoria sobre determinado tema que você abordou em seu blog. Falarei mais deste assunto a frente.

 Faça guest-posts e traga guest-writers para seu blog

Esta é uma técnica muito utilizada e que fortalece muito o marketing para freelancers. Pretendo fazer em breve no meu blog. Existem pessoas MUITO boas que conheço que eu teria o imenso prazer em trazer seu conteúdo para meu blog.

Quando alguém postar em seu blog, peça que o mesmo divulgue em suas redes sociais e com seus contatos. São novos leitores, provavelmente de “fora” do seu círculo social. Essa é uma ótima oportunidade para fazer network também.

Quando você tiver um pouco mais de autoridade, aconselho a começar a fazer guest-post no blog de seus pares, falando sobre temas interessantes e convidando os leitores destes blogs a acompanharem o seu.

Porém, lembre-se, o foco sempre deve estar no conteúdo. Ele é a chave para o sucesso de seu blog. Todo esse “resto” são apenas ferramentas para você fortalecer a divulgação e o marketing para freelancers.

Tenha presença nas redes sociais mais importantes

Tenha presença nas redes sociais mais importantes

Não tenha dúvidas de que a maior fonte de tráfego de seu site/blog serão as suas redes sociais. Pelo menos no início. Serão delas as visitas mais recorrentes. Sabendo disso, você não pode negligenciar nenhuma. A presença nas redes sociais é fundamental para qualquer estratégia de marketing para freelancers.

Facebook

Trata-se da mais importante rede social do momento (2016). É a mais importante e a que mais merece atenção. Existem algumas dicas básicas para gerenciamento dessa rede social que são simples de ser executadas e que retro-alimentam todo o seu ecossistema de marketing:

  • Crie uma fã-page: Ter uma fã page é essencial para essa divulgação. Ela representa você na forma PJ. Representa, no meu caso, o Moacir Moda – Desenvolvedor WEB. Apesar de todos os impedimentos que o facebook impõe para divulgação orgânica deste meio, ainda sim é preciso centralizar o seu conteúdo no facebook por meio deste canal.
  • Compartilhe seus posts e posts interessantes de outras pessoas: Não foque sua fã-page só em você. Foque no tema de sua profissão/categoria. Poste seus conteúdos e depois, compartilhe novamente através de seu perfil pessoal. E não se esqueça de convidar TODOS os seus amigos de seu perfil pessoal para curtir sua fã-page.

Twitter

Você deve trabalhar exatamente da mesma forma como trabalha com sua fã-page. Divulgue conteúdos interessantes referentes a sua profissão, e divulgue em peso os conteúdos criados por você. Eu sei que, no Brasil, ele não possui a mesma popularidade que em outros países, ou que o Facebook. Porém, ainda sim, profissionalmente falando, é uma rede importantíssima e merece sua devida atenção.

Linkedin

Se o Twitter é uma rede importantíssima no âmbito profissional, não preciso nem comentar o que é o Linkedin, né? Nos tempos modernos, essa rede social se tornou praticamente o seu currículo on-line. Mantenha-o sempre impecavelmente atualizado e divulgue seus conteúdos por meio dele também.

YouTube

Este é um assunto polêmico. Apesar da facilidade que é gravar um vídeo, entendo que a exposição a uma câmera é um assunto complicado. Eu mesmo sou uma pessoa muito tímida e tenho dificuldades absurdas para me expor desta maneira. Porém, não tem como não considerar esta rede social na sua estratégia de marketing para freelancers. O Youtube é o segundo maior buscador do mundo. Sua presença nele é fundamental. Hoje eu peco por não estar presente, porém já tenho planos, e são esses que quero compartilhar:

  • Grave vídeo-aulas: No meu caso, que possuo uma profissão com um lado técnico bastante forte, posso utilizar este recurso para aumentar minha presença no YouTube. Basta gravar a tela de seu computador e o som de sua voz. É simples, você gera valor e ainda retroalimenta seus outros canais.
  • Grave suas palestras: Mais a frente falarei sobre sua presença em eventos de sua categoria/comunidade. Uma das estratégias será palestrar. Se você puder, grave estas palestras e divulgue no seu canal do Youtube.

Entenda que aumentar sua presença nas redes sociais é um trabalho constante e relativamente “robótico”, porém que gera resultados exponenciais. Vale muito a pena!

Criar uma base de emails de seus leitores é primordial para o marketing para freelancers

Esta á uma estratégia tão importante quanto a presença em redes sociais. Criar uma base de emails de seus leitores é necessário e importantíssimo para sua estratégia de marketing para freelancers. Muitos gurus do marketing digital defendem que a lista de email é mais importante que a rede social. Concordo quando estamos falando de uma marca, ou produto. No nosso caso, discordo, pois estamos falando de nós. Em todo caso, a lista de emails merece atenção especialíssima, pelos seguintes motivos:

  • As pessoas que recebem seus emails pediram para recebê-los, portanto, elas querem saber o que você tem a falar.
  • Ao criar novos conteúdos e divulgá-los via email, você relembra seu leitor a visitar seu site/blog novamente.

No Viver de Blog tem um post que explica detalhadamente como trabalhar sua lista de e-mails. Não vou me alongar no tema aqui. Leia o post do Henrique, do Viver de Blog, que será muito mais proveitoso.

Network

Network

Essa é uma parte tão importante, mas tão importante, que nem deveria ser citada, de tão óbvia. Network é primordial em qualquer parte de sua vida, tanto profissional, quanto pessoal. Porém, vamos falar somente da parte profissional. Para uma estratégia de marketing para freelancers eficiente, nós devemos nos envolver com a comunidade. O que isso significa? Significa que você precisa estar presente em eventos, palestras, congressos e tudo mais o que envolve sua profissão. Você precisa conhecer e se relacionar com os seus pares.

Encontre grupos de pessoas que tenham relação com sua atividade através do meetup. Foi lá que encontrei o GruPy de São Paulo e pude me conectar a pessoas que me ajudaram muito, como por exemplo o Fernando.

Além disso, você deve ser útil as pessoas. Ajude-as de coração. Seja uma pessoa gentil e resolva o problema de seus colegas de profissão. A melhor forma de fazer network é resolvendo o problema dos outros. Quando você faz isso de boa vontade, sem esperar nada em troca, o universo te encarrega de devolver em dobro.

Outro ponto, já citado anteriormente, é a participação em listas de discussão. Em toda a profissão existem pessoas com mais bagem e mais experiência que outras. As listas de discussão são ótimas fontes de ajuda para quem está iniciando. Não perca a oportunidade de ajudar. E se caso não haja uma lista de discussão referente a sua profissão ou categoria, tá ai uma ótima oportunidade para você iniciar uma e fomentar sua comunidade.

Mantenha um portfólio mostrando seus melhores trabalhos

Manter um portfólio mostrando os seus melhores trabalhos é imprescindível para sua estratégia de marketing para freelancers. No entanto, este é um ponto muito particular, que varia de profissão para profissão. No meu caso, que sou um desenvolvedor, muitas vezes não atuo em projetos que são abertos ao público. Neste caso, deixo algumas dicas que sigo, e outras que pretendo seguir:

  • Publique quem são os seus clientes: Caso não possa publicar os trabalhos, publique para quem você já trabalhou. Está é a tática da maioria das empresas, pois te trás a prova social e a autoridade. É legal o seu futuro cliente saber que você já trabalhou para empresas sérias e conhecidas no mercado.
  • Colabore com projetos sem fins lucrativos: Este é um ponto que peco. Quero muito, além de precisar, contribuir com projetos de software-livre. Contribuindo você devolve um pouco do que toda uma comunidade fez por você, ao construir uma ferramenta que agiliza o seu trabalho. Sem contar que é algo que te trás notoriedade.

Não basta fazer, você precisa contar que fez

“À mulher de César não basta ser honesta, tem que parecer honesta”. Esta é a máxima do marketing digital moderno. Para você sempre ter um bom fluxo de clientes, você precisa fazer e mostrar que fez. Divulgue, poste no blog, poste no facebook, no twitter. Só assim as pessoas saberão que você fez e te procurarão para fazer por elas.

Muito do que eu escrevi aqui é algo que ainda preciso por em prática. Porém, te garanto que a parte que já executo mudou drasticamente a forma como as outras pessoas me vêem. Por consequência, acabamos por atrair mais clientes.

Então, por hoje é só. O que achou do tema? gostou? tem algo a acrescentar? Sinta-se a vontade para se manifestar nos comentários. Não gostou? Não concorda com alguma parte? Não concorda com nada? Sinta-se a vontade para se manifestar nos comentários.

Abraços e até semana que vem!